5 tipos de whisky para experimentar

5 tipos de whisky para experimentar

O sabor marcante e intenso de um bom whisky é a companhia perfeita para celebrar os bons momentos e as grandes conquistas. Se você já é um apaixonado pela bebida e deseja conhecer mais um pouco sobre os diferentes tipos, confira abaixo um pouco sobre a característica de cada whisky de acordo com a nacionalidade.

Tipos de whisky

O whisky é uma bebida destilada produzida a partir da fermentação do malte, sendo o malte o resultado da germinação de um grão. Normalmente, os whiskies são produzidos a partir do centeio ou cevada.
As principais diferenças dos whiskies são o grão usado na germinação, o processo de produção que pode variar bastante, a região em que o whisky é feito e o tempo de maturação.

Os tipos mais famosos e consumidos no mundo são os whiskies escoceses, irlandeses, japoneses e americanos.

Whisky escocês

Esse é um dos tipos mais famosos e consumidos no mundo. Ele é feito com cevada ou grãos maltados, passando pelo processo de envelhecimento em barris de carvalho até 700 litros por no mínimo 3 anos.

Para ser considerado escocês, o whisky precisa ser totalmente produzido na Escócia.

Whisky Irlandês

São os whiskies produzidos na Irlanda. Diferente dos escoceses, estes são feitos a partir de qualquer tipo de grão maltado, mas são igualmente armazenados em barris de madeira e passam pelo processo de envelhecimento de no mínimo 3 anos.

Whisky japonês

Nessa lista de tipos de whisky para experimentar, entra também o whisky japonês, um tipo não tão popular, mas que tem ganhado o mercado fora do Japão na última década.

Ele passa por um processo semelhante ao do scotch, feito com cevada ou grãos maltados.

Whisky americano

Entre os whiskies americanos, há os Bourbon, Tennesse e Rye, cada um deles com suas características.

O Bourbon é feito a partir de grãos maltados, sendo 51% da composição de milho e para ser considerado um Bourbon, precisa ser exclusivamente produzido nos Estados Unidos. O Tennesse é semelhante ao Bourbon, sendo a única diferença o processo de filtragem de carvão após a destilação.

O Rye, também fabricado nos EUA, é feito a partir da fermentação de uma mistura de grãos maltados contendo pelo menos 51% de centeio.

Para aproveitar o que há de melhor em whiskies e outros destilados, encontre na Adega Brasil uma variedade de rótulos nacionais e importados.

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *