Produções nacionais: 4 filmes e 4 vinhos brasileiros para desfrutar

Produções nacionais: 4 filmes e 4 vinhos brasileiros para desfrutar

Em comemoração ao Dia do Cinema Nacional, a Adega Brasil selecionou 4 filmes brasileiros que merecem ser (re)assistidos acompanhados de uma boa taça de vinho nacional. Aproveite!

 

  1. O AUTO DA COMPADECIDA

Um dos filmes brasileiros mais reconhecidos pela crítica nacional e internacional, O Auto da Compadecida é uma comédia de Guel Arraes estrelando Selton Mello, Lima Duarte, Diogo Vilela e outras estrelas nacionais. A narrativa acompanha as aventuras de João Grilo e Chicó, dois nordestinos pobres que vivem de golpes para sobreviver. Eles estão sempre enganando o povo de um pequeno vilarejo no sertão da Paraíba, incluindo o temido cangaceiro Severino de Aracaju, que os persegue pela região. O filme foi elogiado por retratar a realidade nordestina e se tornar um dos marcos da cultura brasileira no cinema.

Avaliação no IMDb: 8,6

🍷 Harmonização: O solo do nordeste possui condições ideais para o cultivo da uva Syrah, popular também na França e na Austrália. Ao assistir O Auto Da Compadecida, você vai ficar com vontade de conhecer um pouquinho mais sobre a cultura desta região tão rica do nosso país. Aposte em uma boa garrafa de Syrah nacional para acompanhar! Seus vinhos são equilibrados e marcantes, com notas expressivas no final.

 

  1. CENTRAL DO BRASIL

Não dá pra falar sobre cinema nacional sem citar o filme que fez com que o Brasil levasse uma atriz a concorrer ao Oscar pela primeira vez. A atuação de Fernanda Montenegro no papel de Dora, uma professora aposentada que trabalha como escritora de cartas para pessoas analfabetas, ficou consagrada como um ícone de talento e expressividade, concorrendo pela estatueta ao lado de artistas internacionais como Meryl Streep e Gwyneth Paltrow.

Avaliação no IMDb: 7,9

🍷 Harmonização: Central do Brasil é um filme franco-brasileiro. Por isso, nada melhor do que assisti-lo desfrutando de um vinho tão popular na França quanto no Brasil. Estamos falando do merlot, originalmente francês, mas amplamente produzido em território nacional. Ele é um vinho de aromas intensos, acidez leve e taninos macios e maduros. Assim como acontece com Central do Brasil, é quase impossível encontrar alguém que não o aprecie!

 

  1. DOIS COELHOS

Dois Coelhos se tornou pioneiro ao inserir elementos estéticos pouco comuns aos filmes brasileiros; como visuais elaborados, explosões e referências à cultura pop, frequentes em produções hollywoodianas do gênero de ação. O filme conta a história de Edgar, um homem preso entre a criminalidade e o poder público corrupto que decide fazer justiça com as próprias mãos. O elenco leva personalidades nacionais como Fernando Alves Pinto, Alessandra Negrini e Caco Ciocler.

Avaliação no IMDb: 7,4

🍷 Harmonização: Um filme intenso e cheio de emoções deve ser acompanhado de um vinho marcante como o Cabernet Sauvignon. As vinícolas do Rio Grande do Sul já são mundialmente reconhecidas pela qualidade de seus rótulos, e um cabernet brasileiro irá agradar ao seu paladar tanto quanto um vinho estrangeiro faria!

 

  1. LISBELA E O PRISIONEIRO

Encerramos nossa lista com esta comédia que nunca deixa de nos conquistar. Lisbela e o Prisioneiro é uma adaptação da peça de teatro do escritor Osman Lins, levada para as telonas pelo diretor Guel Arraes e estrelada por Selton Mello e Débora Falabella. Filmado na capital de Pernambuco, o longa conta a história do conquistador Leléu e da sonhadora Lisbela, que adora ver filmes norte-americanos e sonha com os heróis do cinema.

Avaliação no IMDb: 7,5

🍷 Harmonização: Lisbela e o Prisioneiro é um filme leve e divertido, que harmoniza com vinhos do mesmo gênero. Nossa sugestão é apostar em um rótulo nacional de Chardonnay bem gelado e aproveitar a sessão!

Faça um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *